Especial de Natal

Especial de Natal

Assista no YouTube


Ouça o Podcast


Especial de Natal

18 Foi assim o nascimento de Jesus Cristo: Maria, sua mãe, estava prometida em casamento a José, mas, antes que se unissem, achou-se grávida pelo Espírito Santo. 19 Por ser José, seu marido, um homem justo, e não querendo expô-la à desonra pública, pretendia anular o casamento secretamente. 20 Mas, depois de ter pensado nisso, apareceu-lhe um anjo do Senhor em sonho e disse: “José, filho de Davi, não tema receber Maria como sua esposa, pois o que nela foi gerado procede do Espírito Santo. 21 Ela dará à luz um filho, e você deverá dar-lhe o nome de Jesus, porque ele salvará o seu povo dos seus pecados”. 22 Tudo isso aconteceu para que se cumprisse o que o Senhor dissera pelo profeta: 23 “A virgem ficará grávida e dará à luz um filho, e o chamarão Emanuel”, que significa “Deus conosco”. 24 Ao acordar, José fez o que o anjo do Senhor lhe tinha ordenado e recebeu Maria como sua esposa. 25 Mas não teve relações com ela enquanto ela não deu à luz um filho. E ele lhe pôs o nome de Jesus. (Mateus 1:18-25 NVI)

 

De onde eu vim? Quem sou? Por que estou aqui? Para onde eu vou após a morte?

 

 

Cerca de 400 anos antes de Jesus, Platão, em uma aula sobre questões que ultrapassam nossa capacidade de compreensão disse: “Ah! Se Deus nos desse uma palavra, uma palavra apenas sobre estes mistérios!”

 

 

A verdade é que Ele nos deu mais que uma palavra!

1 No princípio era aquele que é a Palavra. Ele estava com Deus e era Deus. 2 Ele estava com Deus no princípio. 3 Todas as coisas foram feitas por intermédio dele; sem ele, nada do que existe teria sido feito. 4 Nele estava a vida, e esta era a luz dos homens. 5 A luz brilha nas trevas, e as trevas não a derrotaram. (João 1:1-5 NVI)

 

“Contudo, aos que o receberam, aos que creram em seu nome, deu-lhes o direito de se tornarem filhos de Deus,” (João 1:12 NVI)

 

Em Jesus Deus interferiu de forma drástica na história da raça humana!

 

Sócrates lecionou por 40 anos, Platão por 50, Aristóteles por 40, e Jesus por apenas 3 anos. Mesmo assim a influência dos 3 anos de ministério de Cristo transcende infinitamente o impacto deixado pelos 130 anos destes 3 grandes filósofos da antiguidade.

 

Jesus nunca pintou nenhum quadro, mesmo assim, as melhores pinturas de Rafael Michelangelo e Leonardo da Vinci foram inspiradas no próprio Cristo.

 

Jesus nunca escreveu nenhuma poesia, mas Dante, Milton, e outros grandes poetas também se inspiraram na vida e ensinamentos de Cristo.

 

Jesus nunca compôs uma música sequer, mas Haydn, Handel, Beethoven, Bach e Mendelssohn atingiram sua mais alta perfeição musical nos hinos, sinfonias e oratórios compostos em louvor a Cristo.

 

Todas as esferas da grandeza humana têm sido enriquecidas pelo humilde carpinteiro de Nazaré.

 

 

Porque um menino nos nasceu, um filho nos foi dado, e o governo está sobre os seus ombros. E ele será chamado Maravilhoso Conselheiro, Deus Poderoso, Pai Eterno, Príncipe da Paz. (Isaías 9:6 NVI)

 


Deixe um comentário

Observe que os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados

Este site é protegido por reCAPTCHA e a Política de privacidade e os Termos de serviço do Google se aplicam.


Mensagens Ver todo